Assunto para o dia todo, todo o dia. Jornal Hoje Livre o melhor do ABCDM.

Coop implanta nova ferramenta para reduzir perdas

Como forma de reduzir ainda mais seu índice de perdas – hoje 1,65% – enquanto o setor supermercadista apresenta uma média de 1,96% – a Coop – Cooperativa de Consumo tem investido de forma constante para combater e identificar suas perdas. Uma nova arma tecnológica, ainda em fase experimental, está sendo testada em três unidades na tentativa de diminuir a estatística de perdas não identificadas. Trata-se de um programa de monitoramento da frente de caixa, baseado em ações de inteligência relacionadas a vídeos, que permite acompanhar a distância e em tempo real as movimentações realizadas no PDV.

coop

Dependendo dos resultados experimentais, a ferramenta – que conta ainda com outros recursos – será implantada nas demais unidades da rede, segundo adianta Vanessa Augusto Urbieta da Silva, coordenadora de prevenção de perdas, área comandada pelo gerente de riscos e prevenção de perdas da Coop, Antonio Guilherme.

Do total de perdas da Coop em 2016, um pouco mais da metade (56%) refere-se à perda identificada, gerada por quebras operacionais, como estoque elevado, produtos vencidos, avarias em mercadorias e outros fatores. Os 44% restantes enquadram os prejuízos não identificados, que podem ser divergências entre o estoque físico e eletrônico e furtos externos e internos. “Daí a necessidade de ter o sistema de monitoramento como aliado, já que 30% das perdas não identificadas são registradas no PDV”, explica Vanessa.

A tecnologia ajuda, e muito, mas não dispensa a visita in loco para verificar se todos os procedimentos estão sendo cumpridos à risca. Para tanto, a equipe interna de prevenção de perdas, em conjunto com representantes de outros departamentos, promove blitz mensais nos pontos de distribuição da rede. Da área de recebimento de mercadoria à frente de caixa, nenhum detalhe foge aos olhares. Entre tantas tarefas a checar, está à verificação do nível de estoque, a análise da temperatura dos balcões frigoríficos e se o processo PVPS (primeiro produto que vence e o primeiro que sai) está sendo praticado, além de outras auditorias.

Assim como o mercado geral, o maior desafio da Cooperativa está em melhorar os índices de perdas nas categorias de perecíveis, frios e laticínios e de cerveja. Suas estatísticas de quebras por categoria, porém, estão bem menores em relação ao segmento supermercadista. Para efeito de comparação, na perfumaria é de 1.04%, contra a média de 1.47% do mercado, resultado garantido por conta da ação de etiquetas antifurto e de monitores de autovisualização.
No açougue, a readequação dos dias de estoque foi decisiva para a rede reduzir a perda para 2,87%, índice bem abaixo dos 3,72% do mercado. Outro setor que apresenta estatística inferior é o de padaria, com 4,74% contra 5,17% do mercado.

0 comentários

Adicionar comentário

Outros artigosir para home

Brasileiros são maiores vítimas de vírus que roubam senhas, diz estudo

Brasileiros são maiores vítimas de vírus que roubam senhas, diz estudo(0)

Pesquisadores analisaram os ataques contra usuários do Google durante um ano, de março de 2016 a março de 2017, e descobriram que

Moto Z ganha acessório da  Polaroid que imprime fotos

Moto Z ganha acessório da Polaroid que imprime fotos(0)

A Motorola, empresa do grupo Lenovo, anunciou nesta quarta-feira (15) um novo acessório para o smartphone Moto Z, que é capaz

Reforma trabalhista: como ficou a lei com a nova MP publicada pelo governo

Reforma trabalhista: como ficou a lei com a nova MP publicada pelo governo(0)

A reforma trabalhista entrou em vigor no dia 11 de novembro, mas o governo já editou uma Medida Provisória (MP) que altera parte

A “floresta marinha” da Amazônia

A “floresta marinha” da Amazônia(0)

Uma pesquisa de 2016 revelou a existência de bancos de corais na foz do rio Amazonas. Cientistas agora acreditam que esses bancos

ACISBEC realiza dois eventos gratuitos, no mesmo dia, para públicos diferentes

ACISBEC realiza dois eventos gratuitos, no mesmo dia, para públicos diferentes(0)

A ACISBEC (Associação Comercial e Industrial de São Bernardo do Campo) realizou dois eventos gratuitos no mesmo dia, de diferentes

ler mais


Entre em contato

Grupo Hoje Livre - Av. Brig. Faria Lima, 2381 - Sala 9 - São Bernardo do Campo - SP

Redes sociais

Categorias mais populares

© 2014 Jornal Hoje Livre - Todos os direitos reservados.