O Euro NCAP, programa para segurança viária de países da Europa, submeteu a atual geração do Ford Mustang (pré-facelift) a uma bateria de testes de impacto.

mustang

Resultado foi decepcionante: acionamento dos airbags foi considerado deficitário tanto na prova de impacto frontal parcial contra barreira deformável a 64 km/h quanto na de choque lateral contra barreira móvel a 50 km/h.

Já a inexistência de cintos com pré-tensionadores e limitador de carga na fileira traseira resultou em perda de pontos na colisão “chapada” contra parede a 50 km/h. Além disso, o modelo não dispõe de semi-autônomos de segurança, cada vez mais presentes em veículos ofertados ao consumidor europeu.

Nota final foi de duas estrelas de um total de cinco.

FONTE UOL

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here