Assunto para o dia todo, todo o dia. Jornal Hoje Livre o melhor do ABCDM.

Refugiados do Sudão do Sul superam 1,5 milhão, adverte Acnur

A Agência da ONU para os Refugiados (Acnur) se mostrou nesta sexta-feira (10) “extremamente alarmada” pelos grandes deslocamentos no Sudão do Sul, já que mais de 1,5 milhão de pessoas fugiram do país em busca de proteção desde que começou o conflito armado em dezembro de 2013.

Refugiados

Assim, o Sudão do Sul se transformou “na maior crise de refugiados da África” e “na terceira do mundo” após as de Síria e Afeganistão, segundo a Acnur, que lembrou que, adicionalmente, 2,1 milhões de pessoas estão deslocadas dentro do país.
O conflito armado no Sudão do Sul começou quando o presidente Salva Kiir (de etnia dinka) acusou o ex-vice-presidente Riak Machar (da tribo rival nuer) de ter orquestrado um golpe de Estado.
“Estamos pedindo a todas as partes envolvidas no conflito que busquem urgentemente uma solução pacífica para a crise, sem a qual milhares de pessoas seguirão chegando todos os dias aos países vizinhos de Uganda, Etiópia, Sudão, Quênia, República Democrática do Congo e República Centro-Africana”, disse a Acnur em comunicado.
Esta crise, no entanto, recebeu menos atenção e sofre “níveis crônicos de falta de financiamento” para poder fazer frente ao problema, lamentou a organização, que pediu em 2016 recursos de US$ 649 milhões e só recebeu 33% deste montante.
Para 2017, a Acnur solicita US$ 782 milhões para operações regionais no Sudão do Sul e nos países vizinhos.
A falta de recursos dificulta os esforços da agência para salvar vidas mediante o fornecimento de água potável, alimentos e serviços médicos e sanitários, explicou a agência.
Segundo dados da Acnur, fugiram do Sudão do Sul no ano passado mais de 760 mil refugiados, em parte pela intensificação do conflito no segundo semestre.
Em média, cerca de 63 mil sul-sudaneses tiveram que deixar o país por mês e 500 mil fugiram de seus lares desde setembro.
Mais de 60% dos refugiados são crianças, muitas dos quais chegam a outros países com “níveis alarmantes de desnutrição”, constatou a Acnur.
Os recém-chegados aos países vizinhos afirmam que há intensos combates armados, além de sequestros, estupros, ameaças de morte e uma carência acentuada de alimentos.
As pessoas que fogem do Sudão do Sul são amparadas pelas comunidades mais pobres nos países vizinhos, que se encontram sob enorme pressão pela falta de recursos.
Os refugiados sul-sudaneses estão em Uganda (698 mil), Etiópia (342 mil), Sudão (305 mil), Quênia (89 mil), República Democrática do Congo (68 mil) e República Centro-Africana (4.900).

0 comentários

Adicionar comentário

Outros artigosir para home

Peneira para futebol  Sub-19 em Ribeirão

Peneira para futebol Sub-19 em Ribeirão(0)

A Secretaria de Esporte e Lazer – SEL realizará seletiva para a montagem de equipe Sub-19 de futebol de campo. A peneira definirá os atletas, com idade entre 17 e 19 anos, que defenderão a cidade em competições estaduais, dentre as quais estão os Jogos da Juventude, que acontecem em abril, e os Jogos Regionais,

Agronegócio não pode ser desvalorizado por pequeno núcleo, diz Temer

Agronegócio não pode ser desvalorizado por pequeno núcleo, diz Temer(0)

Horas depois de a União Europeia anunciar a decisão de suspender a importação de carne de todas as empresas brasileiras envolvidas na operação Carne Fraca, o presidente Michel Temer (PMDB) minimizou, nesta segunda-feira (20), a extensão das investigações da Polícia Federal e disse que o agronegócio “não pode ser desvalorizado por um pequeno núcleo”. FONTE

Produtor de ‘Mass Effect: Andromeda’ diz que esperava críticas divididas, mas não tanto

Produtor de ‘Mass Effect: Andromeda’ diz que esperava críticas divididas, mas não tanto(0)

Não é exagero dizer que “Mass Effect: Andromeda”, game que a partir desta terça-feira (21) pretende dar novo início à aclamada franquia de RPG e ficção científica, era um dos lançamentos mais aguardados de 2017. Pelo menos até as primeiras críticas publicadas na segunda-feira (20), que não foram tão gentis com o jogo da BioWare.

Consórcio debate planejamento de atividades do Centro de Formação

Consórcio debate planejamento de atividades do Centro de Formação(0)

O Grupo de Trabalho Segurança Pública discutiu, na segunda-feira (20), o planejamento das atividades do Centro Regional de Formação em Segurança Urbana (CRFSU) ao longo deste ano. Localizada em São Bernardo do Campo, a unidade é mantida pelo Consórcio Intermunicipal Grande ABC e tem entre seus objetivos proporcionar uma formação de caráter integral e humanizado

Veja como o brasileiro  pode se aposentar

Veja como o brasileiro pode se aposentar(0)

O sonho da aposentadoria está cada vez mais distante para os brasileiros, especialmente agora, com a provável reforma na Previdência Social. Atualmente, mesmo os que conseguem se aposentar, precisam continuar trabalhando porque o benefício é muito baixo. Para o trabalhador, este é o momento de buscar educação financeira para garantir seu futuro sem depender do

ler mais


Entre em contato

Grupo Hoje Livre - Av. Brig. Faria Lima, 2381 - Sala 9 - São Bernardo do Campo - SP

Redes sociais

Categorias mais populares

© 2014 Jornal Hoje Livre - Todos os direitos reservados.
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com